segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

IRPGCast 43: Avatar e a criação de mundos - Comentários dos comentários

Dicas retiradas do filme "Avatar" para a criação de cenários de RPG.
E por conta de algumas desinformações geradas pelo IRPGCast anterior, uma edição emergencial do "Comentários dos comentários" para esclarecer toda esta situação.



Apoio cultural de "Terras de Shiang", um inovador cenário de RPG com download gratuíto da sua versão 1.0 no site oficial.






O escritor do cenário "Terras de Shiang" não se responsabiliza pelas opiniões expressadas pelos participantes do IRPGCast.
Em caso de dúvida, um médico deve ser consultado.

19 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Aiaiai
    Bom, gostaria de ter participado desse podcast!

    Da proxima vez que voces quiserem falar de evolução me chamem antes por favor!
    Mas nao vamos fugir do tema...
    1-O James Cameron não tirou aquele mundo da cartola. As plantas (bichos) que recolhem quando alguém os toca são baseados nos poliquetas tubículas que temos no fundo do mar. O bicho real é uma minhoca que vive em um tubo, e coloca pra fora uma parte "filtradora", que ele usa pra recolher o seu alimento da água. (veja o link: http://www.youtube.com/watch?v=bVJcBRqzr8Y&feature=related)
    2) As plantas brilhantes também são inspiração do fundo do mar (como ja deu pra notar, o James Cameron adora o fundo do mar).
    3) A conexão de todas as coisas vem diretamente da filosofia hindusta / budista / taoista, com 1 toque mais palpável, ou seja, uma conexão física entre os naavi e o mundo vivo.
    4) Biologicamente falando, não é certo dizer que alguma caracteristica ou algum animal é "mais evoluído" ou "menos evoluído" do que outro. O certo é dizer que um animal é "mais adaptado" do que outro para um certo ambiente. Em muitas situações os macacos são mais adaptados (leia-se... se dão melhor) do que nós pra certas tarefas... põe o Shoran e um macaco pra subir numa árvore que voces vão entender o que eu estou falando!
    E é exatamente em cima disso que o James Cameron faz a sua história!

    ResponderExcluir
  3. Ainda há esperança pro podcast!
    Gostei muito da música do final.
    []'s

    ResponderExcluir
  4. 1: Sobre as montanhas de Avatar: Isso acontece porque elas contêm grande quantidade do minério unobtainium, um supercondutor que preserva suas propriedades à temperatura ambiente, e estão localizadas em zonas de grande atividade magnética.

    2: Velho...Meu deus, que musica tosta dedicaram pra mim..Roj, de onde vc desinterrou isso? Do inferno?

    3: Quarta edição D&d. Awesome!

    4: Estão convidados para ir em nossa excursão para o RPGCon

    ResponderExcluir
  5. O Gelato grava o Critical Cast mesmo pq é o mais sensato de todos vocês! KKKKKKKK!
    Sensacional a música! kkkk!

    ResponderExcluir
  6. Oloko eu sou sensato.... xD

    Afinal "SPIDER RESPONDE" AuhAoOAhiAuhahiAihiahaAuhAoOAhiAuhahiAihiaha....

    Poxa eu não assisti avatar entao me ferrei nesse podcast.

    E a musica foi maravilhosa sem comentarios

    ResponderExcluir
  7. Claro q há esperança! foi EUUUU q apresentei, o q vc queria?!

    Eu trarei a ORDEM de volta a esse podcast. Vc vai ver soh no proximo o q nos aprontamos.

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. O Ender não foi chamado porque é o único do elenco com qualificações técnicas e competentes sobre o assunto, o que vai contra o nosso padrão de qualidade.
    Para quem gostou da música, a IRPGAM ainda vai encontrar você.
    E para quem não gostou, a IRPGAM ainda vai encontrar você.

    E as tais pedras flutuantes do filme eu acredito que sejam um furo de roteiro, pois se o excesso do tal biribitanium as fizesse flutuar, porque foram atacar justo a grande árvore?

    ResponderExcluir
  10. Aquilo viola a física da Terra. Afinal, não é a Terra.

    E não seria furo de roteiro não. Pode ser q o unobtainium das montanhas flutuantes estivesse esparso, ou seja, seria necessária toda uma refinaria para separar o minério que eles queriam dos outros minérios que compoem as montanhas, enquanto embaixo da árvore existe uma jazida do minério puro.

    Ou fique com a minha explicação bem mais plausível de que Pandora é o Planeta não apenas dos Smurfs, mas do GORPO também XD

    PS1: Como eu não tinha lido tudo q o Ender tinha escrito, não via citação carinhosa que ele fez da minha pessoa. Então aqui vai a minha resposta tb carinhosa: ENDER EU VO TE FALA EM CIMA DE QUEM EU VO SUBIR, AI TU ME FALA QUEM EH MAIS "ADAPTADO" SEU TOSCO!!!!! :P:P:P:P:P:P

    ResponderExcluir
  11. Nooossa Shoran! Que veolencia! Soh quis dar 1 exemplo! :D

    ResponderExcluir
  12. Olha o cara... soh pq tah nos States curtindo uma das melhores bandas largas do mundo, acha q pode vim falar quem sobe melhor em árvore... :P:P:P:P

    ResponderExcluir
  13. Olha o cara... soh pq tah nos States curtindo uma das melhores bandas largas do mundo, acha q pode vim falar quem sobe melhor em árvore... :P:P:P:P

    ResponderExcluir
  14. Shoran meu caro,
    Alguem tem que defender os pobres macacos!

    :D

    ResponderExcluir
  15. Opa Roj!
    Tudo encima? Aqui o mais novo seguidor do Cast ;)
    Essa semana passei as noites escutando todos os Podcasts desde o 1º, muito beleza o programa.
    Sei que isso não vai aqui, mas não é crime xD
    Peguei a armadilha da receita do pão de queijo na primeira, por pura sorte mesmo. Achei estranho o "polvilho azedo" e reparei também no Z. Só não sabia daquele lance que você disse dos jornais que colocavam receitas e tal.

    Um abraço pra todo o Team desde o outro lado do Atlântico ;)

    ResponderExcluir
  16. Gostei do podcast! Voltamos aos bons tempos! Ainda bem que foi só uma tormenta passageira.

    Sobre o tema como já falaram às montanhas que flutuam porque tem o minério e os capôs magnéticos então blz.

    Sobre o “plug USB” eu acho que tanto shoran quanto Roj podem ter razão porem unido o tema e a questão da divindade... porem como isso dá spoiler...

    Spoiler

    Spoiler

    Spoiler

    Spoiler

    Bem é o seguinte temos duas questões à divindade dos Navi pode tanto ser obra de “uma inteligência superior” quanto ser a própria inteligência superior! E o planeta é o corpo dela! E os Navi seriam como seres simbiontes, ou seja, que dependem dela para viver e não lhe fazem mal, os outros animais também, porem por serem irracionais seriam controlados mais facilmente pela divindade!
    E como muito bem lembrado sobre a questão da verossimilhança minha idéia funciona somente se lembrar do final do filme e motivo do spoiler. Lembrem-se o planeta estava sendo atacado pelos humanos que pegavam o minério e destruíam as arvores, mas não fazia nada porque até aquele momento para a lua (desculpe eu ficar falando planeta) o que ela tinha era um machucadinho, uma única sangue suga ou mesmo uma micose, podia estar incomodando, mas nada que ela não pudesse lidar.
    Acham-se isso absurdo é só lembrar quando nave mãe estava levando aquele monte de explosivos, os Navi se mobilizaram para salvar ela porque era a divindade deles e tudo mais (ou seja, os serem simbiontes protegem o que lhes sustenta ou se ferram – o que faz deles um super sistema de defesa e equilibro do “corpo” pandora) e o planeta fica quieto na dele... mas na hora que a neve chega perto e as tropas terrestres estão chegando perto e viram uma ameaça real Eywa liga o alrte forte e aparece um exercito de tudo quanto é bicho para dar um cacete nos humanos! Tanto é que quando a nave cai e a arvore da vida está salva ela deixa o Jake se fudendo sozinho! Assim como Neytiri tinha faldo que Eywa não interfere! Claro que não interefere o problema não é dela é de umas coisinhas pequeninas que para ela devem ter o tamanho de celulas!
    E tanto é que a transferencia de mente passa por Eywa com todos os Navi conectdos, ou seja eles todos pedem para ela envolver os corpos de Jake e seu avatar e fazer a transferencia que só roda porque tem um monte de celular pedindo, assim como tem gente que só lembra do dedinho do pé quando bete nele numa quina da parede!
    E para terminar os plugs seriam para o “exercito particular e super treinado” poder mandar nos seres inferiores e poder fazer sua tarefa de proteger Eywa! Ela comanda tudo, se alguem criou os “plug” foi ela! Porem eu acredito que no começo foi evolução é meio ocmplicado para entendermos mas é como disseram no Oriente eles tem isso de tudo estar ligado e formar uma inteligencia superiro, só que como é superior ela não liga apra cosias pequenas como luxuria, riquiza e essa bobagem toda que faz os sres humanos descotados se materem em vez de se unirem e se salvarem antes do planeta fiar inabitavel.
    É uma conta simples todo mundo se respeita e todo mundo vai ter espaço para suas futuras gerações e o ser cosmico supeior continua existindo para sempre.
    Bem vamos ver como o segundo filme trata desses tema!

    ResponderExcluir
  17. @Riot:
    Ei!!! É você o nosso ouvinte de Valência, na Espanha!!!
    Eu estava achando que aquele monte de pontinho do GoogleAnalytics fora do Brasil eram falhas do sistema!!!
    Por mim, eu gravava agora mesmo um comentários dos comentários só para ler a sua presença, mas infelizmente eu fui expulso do podcast por conta duns esquemas aí...

    ResponderExcluir
  18. @Arquimago:
    Patchacaparala! Escreveu um capítulo da Bíblia aqui nos comentários.
    Tá muito grande para ser lido nos comentários a sua especulação sobre Avatar, mas merece todo um podcast a respeito.
    Essa sua visão sobre a interação entre os seres vivos de Pandora ficou muito boa, vou roubar essa idéia para um cenário futuro!!!
    Genial essa sacada de que os seres na casca do planeta podem agir como simbiontes deste planeta, e não como vírus (como é o caso dos humanos).

    Sua única falha grave foi considerar a opinião do Shoran sobre o assunto como sendo correta. Se foi algo criado pela inteligência do planeta, não foi uma obra tecnológica, mas sim um desenvolvimento natural evolutivo.
    Nunca concorde com o Shoran.

    ResponderExcluir
  19. Se quiser colocar nos agradecimentos do cenário fico grato, mas deve ter tido muito mais gente que percebeu isso!

    ResponderExcluir