terça-feira, 4 de setembro de 2012

Assassin's Creed

Alguns jogos deveriam ser jogados na escola, inclusive a série de videogames "Assassin's Creed".
Além de ensinar várias técnicas de assassinato... só que não.
Videogames não ensinam a matar, tá... foi só uma tentativa de piada.
A série Assassin's Creed fala de uma organização secreta antiga que age nos bastidores do poder, e é ambientada em vários momentos históricos da nossa realidade.
Para jogos de RPG, esse cenário é um prato cheio. Personagem altamente treinados em combate e furtividade que desafiam políticos e seus exércitos em vários momentos históricos.
A motivação já servirá para manter o grupo unido, afinal, eles fazem parte de uma mesma organização.
E existe a possbilidade de produzir membros variados nesse grupo, como na série "Missão Impossível" (estou me referindo à série de TV): Um com habilidades de espionagem, outro com especialidade em disparos em longuíssima distância, o grandalhão porradeira, etc.

Além dessa proposta de aventura, a trama dos games ficou tão boa que acabaram romanceando-as.
Não crepuscularam Assassin's Creed, estou querendo dizer que fizeram romances ( = livros ) com a histórias dos jogos.

Para saber mais detalhes sobre estes livros (sim, já saiu o terceiro), clique na propaganda abaixo e procure por "assassin creed" (se você colocar "assassins creed" vai aparecer só o game).

Nenhum comentário:

Postar um comentário